Com quatro meses de atraso, Alckmin inaugura estação Fradique Coutinho do Metrô

Por Tercio Braga
Geraldo Alckmin, ao lado do senador eleito José Serra, inaugura a estação Fradique Coutinho | Lalo de Almeida/Folhapress Geraldo Alckmin, ao lado do senador eleito José Serra, inaugura a estação Fradique Coutinho | Lalo de Almeida/Folhapress

O governador Geraldo Alckmin e o Senador José Serra inaguraram neste sábado, dia 15, a Estação Fradique Coutinho do Metrô, da Linha 4- Amarela, em Pinheiros, na zona oeste de São Paulo. Após desatarem o laço que impedia a passagem pelas catracas, eles andaram em um dos vagões.

A previsão inicial era de que a obra fosse entregue em 2010, mas o acidente causado em 2007, que abriu uma cratera no bairro, fez com que o cronograma fosse alterado.

A nova estação terá funcionamento das 4h40 à meia-noite de segunda a sexta-feira; das 4h40 à 1h aos sábados, e das 4h40 à meia-noite aos domingos. No entanto, na próxima semana, o horário ficará limitado das 10h às 15h para que sejam feitos ajustes. A partir do próximo sábado, dia 22, o funcinamento retornará ao normal.

Com 14.260 m², a estação é a sétima entregue da Linha 4-Amarela – a 66ª do sistema metroviário – e deve atender 15 mil pessoas diariamente.

Também na Linha Amarela, as estações São Paulo/Morumbi, Vila Sônia, Oscar Freire e Mackenzie-Higienópolis estão em obras. As duas últimas, inclusive, já deveriam ter sido entregues, mas tiveram o cronograma alterado.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo