Aeroporto de Cumbica testa ‘e-gates’ para passaportes

Por Carolina Santos
Policial testa “e-gate” no aeroporto de Guarulhos | Davi Ribeiro/Folhapress Policial testa “e-gate” no aeroporto de Guarulhos | Davi Ribeiro/Folhapress

O aeroporto internacional de Cumbica, em Guarulhos, começou a testar ontem uma fila expressa para passageiros brasileiros que possuem passaporte com chip. Com a tecnologia, os turistas que vão para o exterior podem realizar sozinhos o processo de entrada e saída do país.

Chamados de “e-gates”, os aparelhos instalados no aeroporto são fisicamente semelhantes às catracas da linha 4-Amarela do metrô.  A GRU Airport, concessionária que administra o aeroporto, instalou 16 equipamentos nos terminais 2 e 3.

O sistema funciona da seguinte maneira: o passageiro coloca o passaporte em um scanner, que libera ou não a entrada ou a saída dele no país. Depois, o equipamento “lê” o rosto do turista e confere se ele é o mesmo da foto do passaporte.

A PF (Polícia Federal) afirma que vai manter todos os guichês para checagem manual de passaportes. Assim, os “e-gates” serão uma opção para os passageiros. Já existem equipamentos semelhantes para realizar o check-in.

Os passaportes com chip começaram a ser emitidos em 2011. A tecnologia fica na capa do documento. De janeiro de 2011 a 14 de agosto deste ano, 7,47 milhões de passaportes com chip foram emitidos. A expectativa é de que até 2016, todos os passaportes tenham a tecnologia.  

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo