Acidente deixa um morto e três feridos na zona sul de SP

Por Nadia
Motorista da Mercedes estaria disputando um racha / Edison Temoteo/Futura Press/Folhapress Motorista da Mercedes estaria disputando um racha | Edison Temoteo/Futura Press/Folhapress

Uma pessoa morreu e outras duas ficaram feridas após serem atingidas por um carro que supostamente estaria participando de um racha, na Avenida Hélio Pelegrino, em Moema, zona sul de São Paulo, na madrugada desta sexta-feira.

De acordo com a polícia, as irmãs Teresa Tamborini Manzini, 66 anos, e Célia Tamborini Manzini, 76 anos, além do filho de Célia, de 50 anos, estavam no carro atingido pelo veículo que supostamente disputava o racha, uma Mercedes branca blindada.

Segundo testemunhas, o motorista da Mercedes – que seria filho de um advogado trabalhista – estava em alta velocidade. Ele também ficou ferido na batida e continua internado no Hospital Albert Einstein. O segundo veículo que participava do suposto racha ainda não foi localizado.

De acordo com familiares das vítimas, as irmãs tinham acabado de deixar o Hospital Alvorada, onde foram visitar o marido de uma delas que está internado na UTI.

Tereza foi encaminhada ao Hospital das Clínicas, mas não resistiu aos ferimentos.  A irmã dela continua internada no mesmo hospital, e seu filho, que sofreu ferimentos leves, foi atendido no pronto-socorro do Hospital Alvorada.

A Polícia Civil vai fazer um levantamento para verificar se câmeras de segurança instaladas ao longo da avenida registraram o suposto racha.

Sumiço de placa

Em entrevista à BandNews FM, um dos parentes das vítimas afirmou que a placa de um dos carros responsáveis pelo acidente não estava no local.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo