Corpo encontrado na raia
olímpica da USP é de
estudante desaparecido

Por Carolina Santos
Corpo foi encontrado na Raia Olímpica da USP na manhã desta terça-feira | Caetano Cury/Rádio Bandeirantes Corpo foi encontrado na Raia Olímpica da USP na manhã desta terça-feira | Caetano Cury/Rádio Bandeirantes

O corpo do estudante de design, de 20 anos, que estava desaparecido desde a noite de sexta-feira, foi encontrado nesta terça-feira pela manhã boiando na raia olímpica da Cidade Universitária.

Victor Hugo Marques sumiu durante a festa de 111 do Grêmio Politécnico da USP. Segundo amigos, ele foi buscar uma bebida e não voltou. A festa, open bar, reuniu 5 mil pessoas no velódromo da USP.

“A princípio não há nenhuma lesão ou ferimento no corpo da vítima, além de uma pequena escoriação nos lábios e um hematoma no olho direito”, afirma a delegada Elisabete Sato, chefe do DHPP (Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa).

Segundo peritos que estavam no local, o corpo em uma primeira análise não apresentava sinais de afogamento, o que reforça a suspeite de crime. Só após a necropsia será possível determinar a causa da morte.

Um dos responsáveis pela raia olímpica, José Carlos Simon Farah, de 57 anos, disse que o corpo foi encontrado por uma equipe de remadores.

Parentes e amigos do estudante foram ouvidos na segunda pela polícia. De acordo com o pai de Marques, testemunhas relataram terem visto uma pessoa parecida com o estudante sendo agredida por seguranças. Essas testemunhas devem ser ouvidas hoje pela polícia.

Também foram encontradas manchas de sangue próximo ao local onde o corpo foi encontrado. A polícia fará exame de DNA em familiares para saber se o sangue é compatível com o da vítima.

Nesta terça, o representante da empresa de seguranças COS Group, Tony Feitosa, negou qualquer confusão entre participantes do evento e seguranças. O presidente do Grêmio Politécnico, André Simmonds, também afirmou desconhecer qualquer tipo de problema durante a festa. Segundo ele, as hipóteses levantadas até agora são apenas boatos.

Cartaz de estudante desaparecido na USP | Matheus Hypólito/Futura Press Cartaz de estudante desaparecido na USP | Matheus Hypólito/Futura Press

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo