Delegado do DHPP é morto a tiros na zona leste de São Paulo

Por Carolina Santos

Foi enterrado neste domingo, no cemitério do Morumbi, na zona sul, o delegado Francisco de Assis Camargo Magano, do DHPP (Departamento Estadual de Homicídios e Proteção à Pessoa).

Magano, que tinha 52 anos, foi baleado e morto em um assalto na rua Jorge Augusto, na Penha, na zona leste, às 21h20 de sábado. Até o momento ninguém foi preso ou identificado pela polícia.

Segundo a SSP (Secretaria de Segurança Pública), o policial foi abordado no momento em que saia com o carro, depois de pegar um remédio no porta-malas do veículo, um Corolla cinza. Magano estava acompanhado da namorada, uma assistente administrativa de 43 anos, que esperava dentro do carro.

Em outro veículo, dois assaltantes aproveitaram para abordar Magano, que estava armado e saiu do carro. Neste momento, os bandidos atingiram o policial na cabeça, costas, nádegas e ombro direito.

Depois, os dois bandidos queriam levar a mulher, mas acabaram desistindo e levaram somente o carro. Além disso, levaram R$ 170, a bolsa da namorada, a carteira funcional e as duas pistolas do delegado, uma calibre 38 e outra, 45.

Magano foi socorrido por uma testemunha e levado ao pronto-socorro do Tatuapé, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

O carro do delegado foi encontrado horas mais tarde perto da favela Gabriela Mistral, a 5 km do local, também na zona leste.

Na perícia, a polícia encontrou um projétil e os óculos da vítima. Foram recolhidas impressões digitais e serão solicitadas imagens de câmeras de segurança da rua.

Registrado como latrocínio (roubo seguido de morte), o caso  será investigado pelo DHPP. De acordo com o delegado-geral da Polícia Civil, Maurício Blazek, testemunhas já começaram a ser ouvidas.

Jabaquara

Uma discussão no terminal rodoviário Jabaquara, na zona sul, terminou com um morto e dois feridos. Por volta das 22h, um homem armado com um facão atacou duas pessoas. Uma delas ainda saiu correndo e atravessou boa parte do terminal, até cair próximo ao terminal.

Loading...
Revisa el siguiente artículo