Um ano depois, MP denuncia 9 por desabamento

Por Tercio Braga
Desabamento matou 10 operários em agosto do ano passado | Nacho Doce/ Reuters Desabamento matou 10 operários em agosto do ano passado | Nacho Doce/ Reuters

O MP (Ministério Público) encaminhou à Justiça, na última sexta-feira, denúncia contra oito empresários e um falso engenheiro pelo desabamento em São Mateus, na zona leste, no ano passado.

A Promotoria também pediu a prisão preventiva de Mostafá Abdallah Mustafá, proprietário do imóvel e de Alberto Alves Pereira, que seria o falso engenheiro.

Segundo o MP, eles eram responsáveis pela execução da construção que matou 10 operários em agosto do ano passado.

Além de Mustafá e Pereira, também foram denunciados os empresários Maurício Ruiz, Mauro Ruiz, Marcos Ruiz, Marcio Ruiz, responsáveis pela rede Torra Torra, que construía uma loja no local; Ali Abdallah Mustafá, Samir Abdallah Mustafá, responsáveis pelo terreno onde acontecia a obra; além do empresário Rubens Moreno Feitosa.

De acordo com a Promotoria, eles foram negligentes, e responsáveis por causar o desabamento.

O promotor Ismael Marcelino afirmou na denúncia que os responsáveis pela execução da obra, em nenhum momento providenciaram estudo geológico do solo, “o que seria imprescindível, vez que tinham conhecimento de que no local havia funcionado um posto de gasolina”.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo