Polícia investiga assassinato de diretor de presídio na Praia Grande

Por fabiosaraiva
CDP da Praia Grande | Reprodução de TV CDP da Praia Grande | Reprodução de TV

A Polícia Civil investiga o assassinato do diretor de disciplina do CDP (Centro de Detenção Provisória) de Praia Grande, no litoral de São Paulo, Charles Demitre Teixeira, 30 anos.

Segundo a polícia, ele foi executado com cerca de 40 tiros, por volta das 22h desta quinta-feira, quando voltava para casa e sofreu uma emboscada.

Testemunhas afirmaram que um carro prata bloqueou a passagem do veículo da vítima, que não teve chance de reação e morreu no local.

Policiais investigam se a execução tem relação com a morte de um guarda, que fazia a segurança do mesmo CDP, na semana passada.

Um veículo com características parecidas com as descritas pelas testemunhas foi encontrado queimado dentro de uma favela em São Vicente.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo