Volta às aulas ainda não tem data definida na USP Leste

Por Tercio Braga
Segundo a USP, é necessário realizar serviços de limpeza e manutenção no local | Divulgação/Band Segundo a USP, é necessário realizar serviços de limpeza e manutenção no local | Divulgação/Band

O segundo semestre dos alunos da USP (Universidade de São Paulo) começa na segunda-feira, dia 4. Menos para os 5 mil estudantes do campus leste da universidade, que ainda não têm data para voltar às aulas. A liberação do campus foi determinada pela Justiça na semana passada, após o local ficar seis meses interditado por contaminação no solo.

A área ainda precisa passar por vistoria do Corpo de Bombeiros, que vai analisar as condições do terreno, antes de ser liberado.

Segundo a USP, é necessário realizar serviços de limpeza e manutenção no local. Por isso, o início das aulas ainda não está definido. Professores que dão aulas no campus afirmaram à reportagem do Metro Jornal que o planejamento de aulas sequer foi feito ainda.

Após a interdição do campus, o primeiro semestre dos alunos da USP Leste começou com 37 dias de atraso e eles foram colocados em  salas da Unicid e da Fatec, ambas no Tatuapé. Alguns cursos foram deslocados para o campus do Butantã e a Faculdade de Medicina da USP.

O primeiro semestre será encerrado apenas em 15 de agosto, mas o contrato com a Unicid acaba nesta quarta-feira. A reitoria conseguiu estender o contrato com a Fatec, onde as aulas vão acabar.

A Comissão de Graduação do campus e a diretoria da unidade afirmam que o calendário das aulas deve ser definido até sexta-feira.

Loading...
Revisa el siguiente artículo