Ladrões violam túmulos de Mário de Andrade e Lobato

Por lyafichmann
Túmulo do escritor Mário de Andrade violado | Luiz Carlos Murauskas/Folhapress Túmulo do escritor Mário de Andrade violado | Luiz Carlos Murauskas/Folhapress

Os túmulos dos escritores Mário de Andrade e Monteiro Lobato no cemitério da Consolação, na região central, foram violados. Bandidos furtaram portões de bronze e um enfeite.

Essa não é a primeira vez que mexem no mausoléu de Lobato. Ele já foi furtado duas outras vezes. Em uma delas, a peça chegou a ser recuperada e recolocada, mas levada na sequência. Do túmulo de Mário de Andrade foi furtado o portão.

Segundo levantamento do Serviço Funerário, de janeiro de 2013 até agora foram 600 ocorrências em 22 cemitérios municipais. Somente no Consolação, foram roubadas 220 peças. Desde o ano passado, 15 pessoas foram presas em flagrante por conta das violações.

Os furtos acontecem diariamente, principalmente durante a madrugada. Funcionários ou familiares só perceberam a ação tempos depois. Peças como floreiras, bustos, alças de caixões e esculturas são as mais roubadas.

O serviço funerário afirma que tem mantido contato permanente com a GCM para aumentar o número de rondas. Além disso o local tem câmeras e todos os postes internos do cemitério da Consolação receberam novas lâmpadas.

Loading...
Revisa el siguiente artículo