Procuradora acusada de agredir criança é solta no Rio

Por Carolina Santos

Foi solta no Rio de Janeiro a Procuradora de Justiça aposentada, Vera Lúcia de Sant’anna Gomes, presa em 2010 por espancar uma criança de dois anos que pretendia adotar. O tribunal acolheu o pedido de habeas corpus para que Vera Lúcia aguarde em liberdade a decisão judicial. A Procuradora foi condenada a 4 anos e 1 mês de prisão.  O laudo do instituto médico legal diz que a criança foi vítimas de crueis e sucessivas agressões em datas diferentes e em várias partes do corpo. A menina chegou a ficar internada por 3 dias na época.

Loading...
Revisa el siguiente artículo