São Paulo tem o verão mais quente da história, segundo Instituto

Por fabiosaraiva
Jovens se refrescam em lago da Praça da República |  Rodrigo Dionisio/Frame/Folhapress Jovens se refrescam em lago da Praça da República | Rodrigo Dionisio/Frame/Folhapress

O verão 2013/2014 foi o mais quente já registrado na cidade de São Paulo, com média de 30,8ºC, segundo o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia). O recorde anterior era de 30,5ºC, registrados no verão de 1998/1999.

A maior temperatura deste verão na capital paulista foi de 36,4ºC, registrados na tarde do dia 7 de fevereiro.

De acordo com o Inmet, o outono teve início nesta quinta-feira (20) às 13h57, e vai até o dia 21 de junho, quando se inicia o inverno.

Segundo o CPTEC (Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos) do INPE (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais), a previsão para o trimestre que vai de março a maio é de maior probabilidade da ocorrência de totais pluviométricos normais para o semiárido do Nordeste e para a região Norte do país.

Já na região sul, a previsão indica que a probabilidade da ocorrência de chuvas fica abaixo da faixa normal desta época do ano. De acordo com a previsão do CPTEC, as temperaturas devem ficar acima da faixa normal na parte mais central do Brasil e manter sua normalidade nas demais áreas do país.

A previsão do CGE (Centro de Gerenciamento de Emergências) para São Paulo nesta sexta-feira (21) é de muita nebulosidade e chuvas, alternadas com períodos de melhoria ao longo do dia. Os termômetros devem variar entre mínimas de 20ºC e máximas de 28ºC.

No sábado (22) o tempo segue nublado e chuvoso ao longo do dia na Grande São Paulo. Os termômetros devem variar entre mínimas de 19ºC e máximas de 25ºC.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo