Polícia Civil apreende 50 motos em ação no Complexo do Alemão

Por Tercio Braga

Em operação realizada nesta quarta-feira à tarde no Complexo do Alemão, subúrbio do Rio, a Polícia Civil apreendeu cerca de 50 motos devido a problemas de documentação, por estarem sem a placa e com lacre rompido.

A ação, comandada pela Delegacia de Roubos e Furtos de Automóveis, teve a finalidade de reprimir roubos e furtos de veículos e retirar de circulação motos com irregularidades, no complexo de favelas do Alemão, principalmente nas localidades Caitá, Fazendinha e Grota.

O motociclista Ricardo Santos da Silva foi preso na Estrada do Itararé, em frente à Rua Joaquim de Queiroz, durante a operação. Contra ele há um mandado de prisão preventiva pelos crimes de roubo e atentado violento ao pudor. Silva foi encaminhado à Secretaria Estadual de Administração Penitenciária (Seap), onde ficará à disposição da Justiça.

A ação contou com o apoio de diversas delegacias especializadas, da 45ª Delegacia de Polícia (Alemão), Guarda Municipal, e da Secretaria Municipal de Ordem Pública (Seop), em um total de 100 homens. O delegado Marcus Vinícius de Almeida Braga, titular da Delegacia de Roubos e Furtos de Automóveis, considerou a operação um sucesso, com a retirada de dezenas de motos de circulação, que poderiam estar a serviço do tráfico nas ruas do complexo.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo