Baixada Santista pode ficar sem água no Carnaval, segundo Sabesp

Por george.ferreira

A Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo) admitiu que a Baixada Santista pode ficar sem água no Carnaval, caso a população não economize. Foi o que disse o diretor de sistemas regionais da empresa, Luiz Paulo de Almeida Neto, em entrevista à Rádio Bandeirantes.

Ouça também:

 Diretor da Sabesp disse que economizar água é papel fundamental das pessoas

Pessoas que moram em áreas irregulares devem reduzir consumo

Neto afirmou que é fundamental que as pessoas colaborem no processo de economizar água. “A conta não fecha se tivermos consumos exagerados”, disse o diretor. Segundo ele, a economia de água pode ser feita com medidas simples, evitando-se o uso doméstico de mangueira e tomando banhos rápidos, por exemplo.

O diretor da Sabesp também mencionou o consumo de água em áreas irregulares da Baixada. Ele afirmou que a economia de água também é função dos moradores destas áreas, que não pagam pelo serviço.


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo