São Paulo terá 868 radares de trânsito a partir de março

Por Caio Cuccino Teixeira
O valor arrecadado com as multas é 4% maior do que  o faturamento de 2012 | Reprodução De acordo com a CET, foram aplicadas 10,1 milhões de multas em 2013 | Reprodução

São Paulo vai ganhar 868 novos radares de trânsito a partir de março. O secretário Municipal de Transportes, Jilmar Tatto , anunciou nesta terça-feira a compra dos equipamentos que vão substituir os 598 atuais. O objetivo é aumentar a fiscalização.

Tatto acredita que a medida vai melhorar a segurança nas ruas e avenidas. Os radares irão flagrar excesso de velocidade, invasão à faixa exclusiva e corredores de ônibus, violação de semáforo e desrespeito ao rodízio.

Do total de 868 equipamentos, 20 serão móveis. A prefeitura vai desembolsar R$ 530 milhões na aquisição dos radares, que já passaram por um primeiro teste no IPT (Instituto de Pesquisas Tecnológicas).

De acordo com a CET (Companhia de Engenharia de Tráfego), 10,1 milhões de multas foram aplicadas na cidade em 2013.


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo