‘Foi muito emocionante’, afirma diretor sobre prêmios em Berlim

Por fabiosaraiva
Daniel Ribeiro em Berlim | Andreas Rentz/Getty Images Daniel Ribeiro em Berlim | Andreas Rentz/Getty Images

O último fim de semana foi de fortes emoções para Daniel Ribeiro. Aos 31 anos, o diretor viu seu primeiro longa, “Hoje Eu Quero Voltar Sozinho” (veja o trailer no final desta reportagem), ser duplamente premiado em sua primeira exibição. O filme levou o prêmio da crítica da sessão Panorama, do 64º Festival de Berlim, e também o prêmio Teddy, dedicado a títulos com temática gay.

“Tudo é inesperado no primeiro festival para o qual você leva um filme. [A resposta] superou qualquer coisa que pudesse imaginar. Foi emocionante ver a recepção das pessoas supertocadas”, diz.

A produção, que já foi vendida para 14 países, mostra a descoberta da sexualidade de um adolescente cego. É baseada no curta “Eu não Quero Voltar Sozinho” , de 2010, vencedor de diversos festivais, que ganhou popularidade ao ser disponibilizado no YouTube, por meio do qual foi visto mais de 3 milhões de vezes. (veja o curta abaixo).

“A gente descobriu que o filme dizia muito sobre quem estava assistindo. As pessoas se sentiram meio representadas e queriam compartilhar aquela mensagem”, afirma.

Ribeiro é formado em audiovisual pela Escola de Comunição e Artes da Universidade de São Paulo (USP) com um trabalho de conclusão de curso sobre a forma como personagens gays são retratados no cinema. A partir disso ele criou o roteiro de seu primeiro curta, “Café com Leite” (2007), que tinha personagens gays mas não fazia disso sua questão central. Com o filme, Ribeiro levou o prêmio Urso de Cristal também em Berlim.

Essa forma de abordar o tema foi levado para o curta e o longa posteriores. “Não tenho vontade de negar o debate sobre o tema, mas preciso que os personagens não tenham problema nenhum com isso. Na sociedade em que a gente vive, isso já vira debate”, pontua o diretor, que também é um dos criadores do site Música de Bolso e foi um dos idealizadores do projeto #EuSouGay”, montando um vídeo contra atos homofóbicos ocorridos no início de 2011.

“Hoje Eu Quero Voltar Sozinho” estreia no Brasil no dia 28 de março.

Veja o curta premiado:

 

Veja o trailer de “Hoje Eu Quero Voltar Sozinho”:

 


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo