Após 27 dias, nível do reservatório da Cantareira para de cair

Por george.ferreira

O nível dos reservatórios do Sistema Cantareira – que abastece 47% da Grande São Paulo – parou de cair após 27 dias de quedas consecutivas.

A situação dos reservatórios, no entanto, continua crítica. De acordo com a Companhia de Saneamento Básico do Estado, o volume de chuvas do final de semana não foi suficiente para elevar o nível de armazenamento de água do Sistema. O índice de reservas é de 18,5%, o mesmo registrado no domingo.

Desde a última sexta-feira, choveu pouco mais de 45 milímetros na região do sistema. De acordo com o cálculo do Consórcio das Bacias dos Rios, é preciso que chova, pelo menos, mil milímetros até março para que os reservatórios voltem a operar com segurança.

Composto por seis represas, o Sistema Cantareira garante o abastecimento para cerca de 10 milhões de pessoas.

O sistema Cantareira atingiu esse ano o pior nível para os meses de janeiro e fevereiro desde que foi construído em 1974.


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo