Linha 5-Lilás será normalizada no sábado, diz diretor do Metrô

Por george.ferreira

A Linha 5-Lilás voltará a funcionar normalmente apenas neste sábado, segundo o diretor de Operação do Metrô, Mario Fioratti Filho. Em entrevista à Rádio Bandeirantes, Fioratti disse que a circulação de trens por apenas uma via – e com intervalos maiores entre as composições – seguirá ao longo de todo o dia. “O que ocorre é que não temos condição de consertar a rede aérea simultaneamente à circulação dos trens”.

Na noite de quinta-feira, a rede área – que alimenta o sistema de energia para a circulação dos trens – caiu, afetando 800 metros da linha 5. “Não podemos continuar a realizar os trabalhos de manutenção. A operação é de recuperação da rede aérea”, aponta o diretor. “A equipe de manutenção volta a trabalhar no fim da noite”.

Segundo Fioratti, a circulação dos trens teria voltado mais rapidamente ontem se usuários do Metrô não tivessem entrado na via. “infelizmente, alguns usuários caminharam pela via, impossibilitando o religamento do sistema”.

Veja o momento que passageiros caminharam nos trilhos:

Nesta sexta, porém, a área técnica do Metrô verificou que o dano na rede área havia sido maior do que o imaginado, de acordo com o diretor. “Não foi possível recuperar a rede aérea antes do imaginado”.

Mesmo com a operação por uma única via – tornando as viagens dos trens mais lentas –, a demanda pela linha aumentou em decorrência de um acidente na Marginal Pinheiros, que causou congestionamentos em várias regiões da zona sul. “Apesar de termos acionado o Paese – mais de 30 ônibus – com a SPTrans e a EMTU [empresas de transporte público de ônibus na capital e na Grande São Paulo], tivemos ocorrência na Marginal e os ônibus tinham dificuldade de trânsito para retornar às estações [da linha 5], o que levou a uma demora maior ao atendimento dos usuários”, relata Fioratti.

Com os percalços, o diretor pede que a população usuária da linha Lilás antecipe para a tarde a volta para casa. “As pessoas que tiverem condição de alterar [o horário de retorno], por favor, façam-no para que tenhamos um retorno mais tranquilo para as residências”.

 

Leia a nota do Metrô sobre os atrasos:

“A Companhia do Metrô informa que a circulação dos trens na Linha 5-Lilás (Capão Redondo – Largo Treze) está parcialmente normalizada na manhã desta sexta-feira (14). Todas as estações foram abertas no horário habitual, ou seja, às 4h40, porém no trecho entre as estações Campo Limpo e Giovanni Gronchi a circulação das composições ocorre em esquema de via singela, isto é, por uma única via, devido à queda de rede aérea entre as estações Giovani Gronchi e Santo Amaro, ocorrida no início da noite de ontem (18h37) e que atingiu um trecho de aproximadamente 800 metros da via.

Para reforçar o transporte da população na região, o Metrô solicitou à SPTrans a manutenção do Paese (Plano de Apoio entre Empresas em Situação de Emergência). Com isso, cerca de 30 ônibus realizam gratuitamente o transporte dos passageiros entre Capão Redondo e Santo Amaro. Outra medida adotada pelo Metrô foi solicitar à EMTU a desintegração das linhas que fazem parada final nas estações Capão Redondo e Campo Limpo. Hoje, excepcionalmente, essas linhas seguem até Santo Amaro.

Durante a noite e toda a madrugada, equipes de manutenção do Metrô trabalharam para o restabelecimento da rede aérea, no entanto, os trabalhos ainda não puderam ser concluídos”.

 


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo