‘Na copa, São Paulo terá city tour’, afirma presidente da SPTuris

Por fabiosaraiva
Wilson Poit, presidente da SPTuris. Ele afirma que cidade precisa melhorar recepção ao turista e promete mais centrais de informação Wilson Poit, presidente da SPTuris. Para ele, a cidade precisa melhorar recepção ao turista e promete mais centrais de informação

O presidente da SPTuris (São Paulo Turismo), Wilson Martins Poit, que assumiu o cargo em janeiro, promete que, durante a Copa, a cidade finalmente terá um city tour oficial. Ele também afirma que vai ampliar o número de centrais de informação turística.

 

Os turistas são bem recebidos em São Paulo?

Em uma megalópole como São Paulo, é natural que muitas vezes existam algumas dificuldades. Precisamos melhorar e temos um cronograma para que isso aconteça urgentemente.


Quais as dificuldades?

Muitos agentes que trabalham nos aeroportos e fazem a recepção não são bilíngues. Para resolver isso, vamos criar cursos de capacitação desses agentes.

 

Hoje a cidade conta apenas com seis centrais de atendimento turístico e nenhuma delas fica no aeroporto de Congonhas. O senhor acha que essa quantidade é suficiente?

Não é suficiente e por isso mesmo vamos implantar uma nova estação em Congonhas até a Copa. E reformar a central, que fica na rodoviária do Tietê. Também vamos implantar mais três centrais moveis em furgões adaptados. Também teremos pessoas em cinco veículos do tipo Segway para dar mais apoio aos turistas.

 

Existe previsão para que a cidade finalmente tenha um city tour oficial?

Teremos o city tour da capital durante a Copa. A ideia é que os ônibus passem pelos principais pontos turísticos. O turista poderá descer nos locais, ficar o tempo que quiser e depois pegar o próximo ônibus com o mesmo bilhete. Estamos em discussão com a CET sobre quais tipos de ônibus seriam possíveis ser utilizados. Mas adianto que neste primeiro momento não serão de dois andares. Temos que ser realistas e funcionais.

 

Com a derrota do Piritubão como sede da Expo 2020, a prefeitura ainda pensa em usar a área?

Não descartamos usar o espaço de Pirituba para um novo centro de convenções. Mas nosso foco é ampliar o Anhembi e tornar o prédio mais confortável e com refrigeração. Devemos utilizar uma verba de R$ 60 milhões do PAC para investir nesse pavilhão e construir uma nova área para feiras.


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo