Filho de Alckmin é cercado por bando e fica em meio a tiroteio

Por fabiosaraiva
Alckmin decidirá quem será o novo reitor / Antonio Cruz/ABr O governador Geraldo Alckmin. Filho dele foi cercado por bando em carro | Antonio Cruz/ABr

O filho do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, foi cercado na noite do último domingo por criminosos e acabou no meio de um tiroteio entre os bandidos e os policiais que fazem parte de sua escolta de segurança.

Tomas, de 30 anos, levava a filha para casa, na região do Morumbi, zona sul de São Paulo, quando um carro à frente fez um cavalo de pau em uma alça de acesso à Marginal Pinheiros.

Do carro à frente, saltaram quatro homens que cercaram o automóvel do filho de Alckmin. Os policiais das escolta deram voz de prisão aos bandidos, quando começou um tiroteio.

Os homens fugiram e o carro deles foi encontrado horas depois. Tomas e a neta do governador foram levados para casa em seguida.

O Palácio dos Bandeirantes investiga várias hipóteses para a ocorrência, como assalto ou até tentativa de sequestro.


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo