Presídio em São Paulo ganha novo bloqueador de celular

Por Tercio Braga

A penitenciária de Presidente Venceslau, no interior de São Paulo, é a primeira a receber um novo sistema de bloqueio de celulares. A tecnologia, que teve um investimento de R$ 31 milhões, corta o sinal apenas no interior da cadeia, sem interferir nos telefones dos moradores bairro.

A unidade de Avaré será a próxima a ter os equipamentos. O contrato, aliás, prevê a instalação dos bloqueadores em outros 23 presídios nos próximos meses.

De acordo com o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, a medida pode ser considerada como um golpe contra o crime organizado.


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo