Governo chama Rota e Choque para conter ataques a ônibus

Por Tercio Braga

O governo estadual decidiu acionar a Rota e a Tropa de Choque para tentar conter a onda de ataques a ônibus nas zonas sul e oeste. Nesta quarta-feira, mais um veículo foi incendiado na estrada do M´Boi Mirim, na região do Jardim Ângela – outros três haviam sido queimados anteontem na mesma região. Inseguros, os motoristas de algumas linhas pararam de circular, obrigando os passageiros a seguir a pé.

Veja também
‘Já tem pouco e ainda queimam’, reclama a população

Sete pessoas foram presas. Todos vestiam camisetas homenageando um morador de 19 anos morto a tiros anteontem. A família diz que ele foi baleado por policiais.

O comandante da PM, Benedito Meira, afirmou que a corporação irá colocar homens à paisana nos coletivos para flagrar os criminosos que cometem os atentados. A PM também vai orientar motoristas e cobradores a como agir em caso de ataque. Meira descartou que os crimes sejam ação do crime organizado.

Pelo menos três linhas deixaram de circular nesta quarta no Jardim Ângela. Outras 19 reduziram o itinerário após as 18h. Segundo a SPTrans, 200 mil passageiros estão sendo prejudicados (120 mil na zona sul e 80 mil na zona oeste). “O ônibus não vai mais até perto de casa. Para no terminal. E com isso tenho que andar mais de uma hora até chegar em casa”, afirmou o garçom William dos Santos, de 20 anos, ao Metro Jornal.

A SPTrans acionou um plano de emergência colocando ônibus extras, de outras viações, na região.

mboi-mirim-onibus-queimados620

Francisco Christovam – Presidente do siandicato das empresas de ônibus

O mapeamento das áreas mais perigosas para os motoristas de ônibus foi enviado à policia no início do ano, mas nada foi feito. É o que afirma o presidente da SPUrbanuss, Francisco Christovam.

Ao que o senhor atribui essa quantidade de ataques a ônibus?

Existe uma sensação de impunidade por parte dos criminosos e isso é o principal problema. E por isso, eles acham que podem fazer o que quiserem na cidade sem serem presos.

E por que o alvo são os ônibus?

Quer forma melhor de chamar atenção do que queimar um ônibus? Eles estão sendo incendiados não só por bandidos, mas também por pessoas que querem protestar. Queimar um coletivo atrai os holofotes.

Como o sindicato analisa essa situação?

Com muita preocupação. Vemos um descaso imenso da polícia. Já fizemos reuniões e apresentamos o mapeamento das áreas mais perigosas para os motoristas. Mas até agora nada foi feito. Está tudo na promessa.

Quais os principais prejuízos causados por essa série de ataques?

O principal prejudicado com isso acaba sendo o passageiro, que fica sem opções de transporte nas periferias. Nós temos que compreender o medo de nossos motoristas, que evitam ir até o destino final, por insegurança. 

Pedestres e carros passam por local onde ônibus foi incendiado nesta quarta-feira na avenida M Pedestres e carros passam por local onde ônibus foi incendiado nesta quarta-feira na avenida M’ Boi Mirim, em represália à morte de jovem assassinado na região do Jardim Ângela | Wanezza Soares/Metro
Pedestres e carros passam por local onde ônibus foi incendiado nesta quarta-feira na avenida M Pedestres e carros passam por local onde ônibus foi incendiado nesta quarta-feira na avenida M’ Boi Mirim, em represália à morte de jovem assassinado na região do Jardim Ângela | Wanezza Soares/Metro
Pedestres e carros passam por local onde ônibus foi incendiado nesta quarta-feira na avenida M Pedestres e carros passam por local onde ônibus foi incendiado nesta quarta-feira na avenida M’ Boi Mirim, em represália à morte de jovem assassinado na região do Jardim Ângela | Wanezza Soares/Metro
Carcaça de ônibus incendiado é recolhida para garagem da empresa de ônibus Vip. O veículo foi queimado nesta quarta-feira na avenida M Carcaça de ônibus incendiado é recolhida para garagem da empresa de ônibus Vip. O veículo foi queimado nesta quarta-feira na avenida M’ Boi Mirim, em represália à morte de jovem assassinado na região do Jardim Ângela | Wanezza Soares/Metro
Detalhe de ônibus incendiado é recolhida para garagem da empresa de ônibus Vip. O veículo foi queimado nesta quarta-feira na avenida M Detalhe de ônibus incendiado é recolhida para garagem da empresa de ônibus Vip. O veículo foi queimado nesta quarta-feira na avenida M’ Boi Mirim, em represália à morte de jovem assassinado na região do Jardim Ângela | Wanezza Soares/Metro
Carcaça de ônibus incendiado é recolhida para garagem da empresa de ônibus Vip. O veículo foi queimado nesta quarta-feira na avenida M Carcaça de ônibus incendiado é recolhida para garagem da empresa de ônibus Vip. O veículo foi queimado nesta quarta-feira na avenida M’ Boi Mirim, em represália à morte de jovem assassinado na região do Jardim Ângela | Wanezza Soares/Metro
Carcaça de ônibus incendiado é recolhida para garagem da empresa de ônibus Vip. O veículo foi queimado nesta quarta-feira na avenida M Carcaça de ônibus incendiado é recolhida para garagem da empresa de ônibus Vip. O veículo foi queimado nesta quarta-feira na avenida M’ Boi Mirim, em represália à morte de jovem assassinado na região do Jardim Ângela | Wanezza Soares/Metro
Pedestres e carros passam por local onde ônibus foi incendiado nesta quarta-feira na avenida M Pedestres e carros passam por local onde ônibus foi incendiado nesta quarta-feira na avenida M’ Boi Mirim, em represália à morte de jovem assassinado na região do Jardim Ângela | Wanezza Soares/Metro
Ônibus recolhidos na garagem da empresa Vip após veículo ter sido incendiado nesta quarta-feira na avenida M Ônibus recolhidos na garagem da empresa Vip após veículo ter sido incendiado nesta quarta-feira na avenida M’ Boi Mirim, em represália à morte de jovem assassinado na região do Jardim Ângela | Wanezza Soares/Metro
Mulher e criança passam por local onde ônibus foi incendiado nesta quarta-feira na avenida M Mulher e criança passam por local onde ônibus foi incendiado nesta quarta-feira na avenida M’ Boi Mirim, em represália à morte de jovem assassinado na região do Jardim Ângela | Wanezza Soares/Metro
Passageiros encaram ônibus lotado após coletivo ter sido incendiado nesta quarta-feira na avenida M Passageiros encaram ônibus lotado após coletivo ter sido incendiado nesta quarta-feira na avenida M’ Boi Mirim. Ato ocorreu em represália à morte de jovem assassinado na região do Jardim Ângela | Wanezza Soares/Metro
Funcionário da empresa Vip mostra pedra atirada contra ônibus. Veículo foi depredado e levado para a garagem da empresa. Outro veículo foi queimado nesta quarta-feira na avenida M Funcionário da empresa Vip mostra pedra atirada contra ônibus. Veículo foi depredado e levado para a garagem da empresa. Outro veículo foi queimado nesta quarta-feira na avenida M’ Boi Mirim, em represália à morte de jovem assassinado na região do Jardim Ângela | Wanezza Soares/Metro
Funcionário da empresa Vip mostra ônibus depredado na garagem da empresa.  Outro veículo foi queimado nesta quarta-feira na avenida M Funcionário da empresa Vip mostra ônibus depredado na garagem da empresa. Outro veículo foi queimado nesta quarta-feira na avenida M’ Boi Mirim, em represália à morte de jovem assassinado na região do Jardim Ângela | Wanezza Soares/Metro
Garagem da empresa de ônibus Vip com os portões fechados, após ônibus ter sido queimado nesta quarta-feira na avenida M Garagem da empresa de ônibus Vip com os portões fechados, após ônibus ter sido queimado nesta quarta-feira na avenida M’ Boi Mirim. Ato ocorreu em represália à morte de jovem assassinado na região do Jardim Ângela | Wanezza Soares/Metro
Placas de ônibus na garagem da empresa de ônibus Vip | Wanezza Soares/Metro Placas de ônibus na garagem da empresa de ônibus Vip | Wanezza Soares/Metro
Carcaça de ônibus incendiado é recolhida para garagem da empresa de ônibus Vip. O veículo foi queimado nesta quarta-feira na avenida M Carcaça de ônibus incendiado é recolhida para garagem da empresa de ônibus Vip. O veículo foi queimado nesta quarta-feira na avenida M’ Boi Mirim, em represália à morte de jovem assassinado na região do Jardim Ângela | Wanezza Soares/Metro
Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo