Aeroportos acumulam filas e transtornos após temporal

Por fabiosaraiva
Passageiros em filas no aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro | Levy Ribeiro/Brazil Photo Press/Folhapress Passageiros em filas no aeroporto Santos Dumont, no Rio de Janeiro | Levy Ribeiro/Brazil Photo Press/Folhapress

A tempestade que atingiu São Paulo na tarde de ontem ainda causa transtornos, na manhã deste sábado, nos aeroportos do Estado. Por conta da chuva, ocorrida entre as 17h30 e 18h30 de sexta-feira, 14 voos da companhia Gol foram deslocados.

 

Destes voos deslocados, dois foram para o Aeroporto de Viracopos, em Campinas; três para o Aeroporto Tancredo Neves, em Confins (MG); cinco para o Aeroporto do Galeão (RJ); dois para o Aeroporto de Santos Dumont (RJ); e dois para Curitiba.

 

Em Campinas, no Aeroporto de Viracopos, devido à lotação da área de estacionamento, as aeronaves programadas para realizar os voo G3 7631 (Montevidéu / Chile – Guarulhos / SP) e G3 1415 (Brasília / DF – Congonhas / SP) precisaram aguardar por quatro e três horas, respectivamente.

 

No Aeroporto do Galeão (RJ), o voo G3 1371 (Cuiabá / MT – Congonhas / SP), que pousou às 17h50 com 80 passageiros, foi direcionado pelo controle do aeroporto para o pátio do Terminal de Cargas devido à falta de espaço nos pátios.

 

Em nota, a Gol informou que providenciou alimentação e hospedagem aos clientes com voos cancelados ou atrasados e destacou que todos seriam reacomodados em outros voos da empresa ou em congêneres, conforme disponibilidade.

 

Cerca de seis voos da empresa TAM, a partir de São Paulo/Congonhas, e cinco voos com destino ao aeroporto foram cancelados por conta de condições meteorológicas.

 

Em nota, a TAM disse que lamenta os transtornos causados aos clientes e reiterou que a segurança de voo é um valor imprescindível e todas suas ações visam garantir uma operação segura.

 

Veja imagens dos transtornos pelo Brasil na noite de sexta-feira:

 

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo