Associação de lojistas de shopping pede ajuda contra ‘rolezinhos’

Por Caio Cuccino Teixeira
Policiais expulsaram jovens do Shopping Itaquera | Robson Ventura/Folhapress Alshop ainda calcula os prejuízos pelos encontros de jovens aos lojistas | Robson Ventura/Folhapress

A disseminação pelo país dos chamados “rolezinhos” levou a Alshop (Associação Brasileira de Lojistas de Shopping) a pedir providências do governo federal.

O presidente da entidade, Nabil Sahyoun, encaminhou nesta segunda-feira um ofício pedindo uma audiência com a presidente Dilma Rousseff e com o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo.

Os lojistas querem que lideranças do movimento sejam recebidas pelo governo, a exemplo do que ocorreu com os manifestantes do MPL (Movimento do Passe Livre), que organizaram protestos no ano passado.

A Alshop diz que ainda está calculando os prejuízos pelos encontros de jovens aos lojistas. A principal proposta da entidade é de que os eventos sejam organizado em locais públicos.

No sábado, o shopping JK, em São Paulo, fechou as portas para evitar a entrada dos jovens.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo