Cheia de piolhos de pombos, USP Leste adia aulas em uma semana

Por fabiosaraiva

Os alunos da USP Leste vão ter que aguardar mais uma semana para iniciar as atividades letivas de 2014. O adiamento é por conta da finalização do trabalho de desinfestação de piolhos de pombos nas salas do prédio  principal do campus. As aulas deveriam recomeçar nesta segunda-feira, mas  só devem ser retomadas no dia 13.

Para conseguir desinfetar a área e limpar os reservatórios de água, a instituição chegou a antecipar o término das aulas, do dia 20 de dezembro para o dia 16.

Segundo a USP, ainda é preciso concluir a desinfecção dos ácaros das aves em 20% do edifício. De acordo com relatos de professores e alunos, algumas pessoas chegaram a ter problemas de pele.  O piolho, encontrado nas fezes dos pombos, também pode causar doenças pulmonares e intestinais.

Com relação à água, a universidade afirma que a limpeza foi concluída durante o recesso.

No ano passado, alunos e professores da USP Leste ficaram 50 dias em greve em protesto contra a contaminação do solo no local.

 

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo