Roseana Sarney aceita ajuda do Ministério da Justiça

Por BAND

O governo maranhense aceitou ajuda do Ministério da Justiça nesta segunda-feira. A pasta ofereceu cerca de 25 vagas em presídios federais para transferir os presos envolvidos nos recentes ataques a ônibus e delegacias de polícia de São Luís.

Os ataques aconteceram após o endurecimento da disciplina no Complexo Penitenciário de Pedrinhas, onde aconteceram rebeliões, fugas e mortes no fim do ano.

Cinco ônibus foram incendiados após ataques na sexta-feira e o sábado. Uma menina de apenas seis anos morreu sem conseguir escapar de um dos coletivos. Ela morreu na manhã desta segunda-feira com 95% do corpo queimado.

Prisão

Nesta segunda-feira, seis envolvidos no ataque ao ônibus que matou a menina de seis anos foram presos. O grupo é suspeito de atear fogo a um ônibus na Vila Sarney Filho, município de São José de Ribamar.

Outros oito já foram presos por conta dos ataques na capital maranhense.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo