Mãe do menino Joaquim é presa no interior de São Paulo

Por fabiosaraiva

A mãe do menino Joaquim Marques Pontes, morto em Ribeirão Preto, interior de São Paulo, voltou a ser presa neste sábado, dia 4. Natália Ponte estava na casa dos pais em São Joaquim da Barra, interior de SP, e foi levada para a Cadeia Feminina de Franca, onde está sozinha em uma cela.

Denunciada pelo homicídio triplamente qualificado do próprio filho, foi detida depois que o Tribunal de Justiça de São Paulo aceitou a denúncia do Ministério Público e decretou a prisão preventiva dela e do padrasto, Guilherme Longo.

A psicóloga chegou a ficar presa por 31 dias, mas foi libertada em dezembro quando o Tribunal de Justiça concedeu um habeas corpus, antes da conclusão do inquérito policial. Guilherme Longo continua na Delegacia Seccional de Barretos, também no interior de São Paulo.

 

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo