Polícia corrige para 15 o número de vítimas no acidente na Régis

Por Carolina Santos
Acidente aconteceu na madrugada de domingo / Nelson Antonie / Folhapress Acidente aconteceu na madrugada de domingo / Nelson Antonie / Folhapress

A Polícia Civil de São Paulo corrigiu na noite dessa segunda-feira o número de mortos no acidente com um ônibus na Rodovia Régis Bittencourt, ocorrido na madrugada de domingo (22). O nome de um dos passageiros, Marcos de Oliveira da Silva, foi relacionado indevidamente entre os mortos. Ainda estão internadas 12 pessoas em hospitais da região metropolitana de São Paulo.

Leia também: 

Parentes de vítimas de acidente reclamam de falta de assistência

Mulher relata acidente e morte de marido

Acidente na Régis pode gerar mudanças nos ônibus

O acidente ocorreu quando o motorista do ônibus da Viação Nossa Senhora da Penha, que viajava de Curitiba para o Rio de Janeiro, perdeu o controle, por volta das 2h da manhã, na altura do quilômetro 300 da rodovia, na cidade de São Lourenço da Serra (SP). Entre os 55 ocupantes, contando com o motorista, 13 morreram na hora.

A empresa de ônibus divulgou nota solidarizando-se com os parentes e amigos das vítimas. A viação informou que disponibilizou acomodações em hotéis, despesas com deslocamentos aéreos e terrestres aos parentes dos passageiros internados, além de auxílios aos que sobreviveram. A empresa também ofereceu um telefone de atendimento: 0800 646 2122.

A polícia divulgou uma lista atualizada com os nomes dos mortos na tragédia: Regina Célia Nogueira Guimarães, 58 anos; Nelício Mário Engel, 52 anos; João Paulo Souza Lima, 23 anos; João Paulo Quintanilha Cordeiro, 19 anos; João da Silva Lima, 60 anos; Ademilde Guimarães Salles, 60 anos; Julio Cezar de Oliveira Salles, 65 anos; Justa Lindamir dos Anjos, 55 anos; Jucinéia Justino Leal, 42 anos; Daniel Pinel de Souza, 60 anos; Maria Aparecida Alves da Silva, 59 anos; Erico Roberto Bittencourt, 30 anos; Valéria Santos Leite, 44 anos; Iva Pereira da Silva; e Jimena Aranda, ambas sem idade divulgada.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo