Falhas de leitura do Bilhete Único nas catracas é solucionada

Segundo o Metrô, os problemas com a leitura do Bilhete Único nas catracas já foram solucionados e o sistema é normalidade. Em entrevista à BandNews FM, o gerente de operações da companhia, Wilmar Fratini, informou que houve um problema interno no arquivo com informações sobre quais bilhetes devem ser aceitos. “Isso acabou ocorrendo nos bloqueios de algumas estações”.

De acordo com Fratini, “normalmente, o Metrô recebe um arquivo para parâmetros para a leitura com o Bilhete Único”, o qual falhou nesta manhã.

O Metrô ainda não sabe qual o prejuízo gerado pelo problema, o que deve ser estimado até o final do dia. Agora, a atenção é em outro ponto. “A gente prioriza o passageiro”, diz o gerente. Segundo Fratini, essa foi a “primeira ocorrência em muitos anos”.

Problemas

Os leitores de cartões das catracas de algumas estações do metrô apresentaram defeito nesta manhã. Segundo a assessoria de imprensa do Metrô, foram afetados os usuários de estações de três linhas. A situação foi pior na 3-Vermelha, com problemas nas paradas de Vila Matilde, Itaquera, Artur Alvim, Penha e Guilhermina-Esparança.

Na linha 1-Azul, falhas aconteceram no Jabaquara, Tucuruvi e Carandiru. Na linha 5-Lilás, os usuários enfrentaram problemas no Capão Redondo e no Campo Limpo.

Ônibus

Usuários do sistema de ônibus da capital paulista também têm relatado problemas para utilizar o Bilhete Único. Ao passar pela catraca, o cartão aparece com informação de saldo zerado. Eles haviam utilizado o metrô antes e observaram que o bilhete não apresentava falhas com outros passageiros.

Depois, ao consultarem seu saldo nas máquinas de estações, verificavam que seus cartões continuavam carregados.

A SPTrans – empresa que gerencia o transporte coletivo na capital – informa que já colocou sua equipe de Tecnologia de Informação para investigar os casos.

Loading...
Revisa el siguiente artículo