Black Blocs são transferidos de delegacia em São Paulo

Por george.ferreira
Vândalos atiram pedras contra os policiais | Reprodução Vândalos atiram pedras contra os policiais | Reprodução

Integrantes do grupo Black Bloc foram transferidos do 3º DP para 2ºDP, no centro de São Paulo, na manhã desta terça-feira. Eles participaram de confronto entre manifestantes e policiais durante protesto em apoio aos professores municipais e estaduais.

Veja também
Manifestação é tomada por mascarados

Segundo o delegado, os suspeitos foram enquadrados na Lei de Segurança Nacional e crime hediondo, sem fiança.

Vandalismo

Pelo menos quatro agências bancárias amanheceram depredadas no centro da capital paulista nesta terça-feira após os protestos da noite desta segunda-feira, segundo a Rádio Bandeirantes.

Muitos sacos de lixo estavam espalhados – alguns até queimados – na região das avenidas Ipiranga e Rio Branco. Apesar dos transtornos, o tráfego ainda segue tranquilo.

Agressão

O cinegrafista da Rede Bandeirantes Hércules Silva foi atacado por policiais militares enquanto registrava os protestos na noite de segunda-feira no centro de São Paulo. O ato começou por volta das 17h, reunindo estudantes da USP (Universidade de São Paulo) e professores públicos. Até então, o protesto era pacífico.

A confusão começou quando um grupo de mascarados se infiltrou na manifestação e depredou lojas e agências bancárias. Uma viatura da polícia foi atacada pelos vândalos.

Os policiais tentaram dispersar a multidão com bombas de gás lacrimogêneo. Os manifestantes revidaram com paus e pedras.

Pelos menos dez pessoas foram presas e cinco policiais ficaram feridos na manifestação.

Veja o video:

Loading...
Revisa el siguiente artículo