Vazamento de gás interdita condomínio

Por Carolina Santos
Moradores só puderam retornar ao prédio na madrugada de ontem | Luiz Carlos Murauskas/Folhapress Moradores só puderam retornar ao prédio na madrugada de ontem | Luiz Carlos Murauskas/Folhapress

Um conjunto habitacional com 300 famílias na avenida Itaquera, em Arthur Alvim, na zona leste, foi interditado por causa de vazamento de gás.

Anteontem moradores sentiram forte cheiro de gás e acionaram o Corpo de Bombeiros. Chamada, a Defesa Civil interditou o condomínio e os moradores só puderam voltar às suas casas na madrugada de ontem, quando as concentrações de gás já estavam em um nível seguro.

De acordo com a Cetesb (agência ambiental do Estado), foi identificado um vazamento de GLP (gás liquefeito de petróleo) nas galerias de esgoto.

A Secretaria Municipal de Habitação afirma que não há risco de explosão.

Ontem, engenheiros da Ultragás, responsável pela distribuição de gás no local, representantes da construtora  e funcionários da Defesa Civil fizeram uma nova vistoria para analisar as causas do vazamento. As causas do incidente não foram divulgadas. A Ultragás e a construtora afirmam que uma nova rede de esgoto será construída, mas não definiram um prazo para concluir a obra. Até as 22h de ontem, o fornecimento de gás para o condomínio continuava.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo