Estudante da Unicamp morre esfaqueado em festa universitária

Por fabiosaraiva

O estudante Denis Casagrande, de 21 anos, foi esfaqueado quatro vezes durante uma briga em uma festa dentro do campus da Unicamp, em Campinas (SP). O suspeito do crime também foi ferido e está internado sob escolta policial. A principal suspeita da polícia é que o crime tenha sido motivado por ciúmes.

A briga ocorreu por volta das 3h30 da madrugada deste sábado, dia 21, na praça do Ciclo Básico da universidade. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi chamado às 3h35 para o socorro. A caminho do Hospital de Clínicas da Unicamp, a vítima não resistiu aos ferimentos.

O corpo de Denis Papa Casagrande foi sepultado neste domingo no Cemitério Parque da Ressureição, em Piracicaba (SP), cidade onde mora sua família.

A Unicamp publicou nota informando que vai apurar as circunstâncias da briga e identificar os responsáveis pela festa, que não estava autorizada pela universidade.

Veja abaixo a nota da Unicamp na íntegra

A propósito do incidente ocorrido na madrugada deste sábado (21), durante uma festa não autorizada no campus, a Unicamp esclarece o seguinte:

1. A Unicamp lamenta profundamente a perda do estudante Denis Papa Casagrande, aluno do curso de Engenharia e Controle de Automação, da Faculdade de Engenharia Mecânica, e se solidariza com sua família.

2. A Unicamp tomará providências administrativas para apurar as circunstâncias do ocorrido e identificar os responsáveis pela festa realizada sem autorização da instituição bem como a participação de pessoas estranhas à comunidade acadêmica.

3. Consta dos registros da Vigilância Interna da Unicamp que, por volta das 23 horas de sexta-feira (20), o campus foi invadido pelos participantes da festa, que avançaram com seus carros sobre as barreiras colocadas nas portarias 1 e 4 e sobre os vigilantes que tentaram barrar sua passagem.

4. Consta, ainda, que às 23h05, a Vigilância Interna solicitou apoio à Polícia Militar (PM) e, às 23h10, à Empresa Municipal de Desenvolvimento de Campinas (Emdec), mas ambas as solicitações não foram atendidas, apesar da insistência da Vigilância Interna.

5. O lamentável incidente do qual o estudante foi vítima ocorreu por volta das 04h00, em decorrência de uma briga entre os participantes da festa. Importante destacar que, em 2009, o Conselho Universitário aprovou deliberação determinando que a realização de festas no campus está sujeita a autorização prévia. O texto também deixa explicito que o descumprimento das normas sujeitará os responsáveis à aplicação de penalidades disciplinares, nos termos dos Estatutos e do Regimento Geral da Unicamp.

Assessoria de Imprensa
Campinas, 21 de setembro de 2013

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo