Avenida Paulista deve ganhar 81 pontos livres para taxistas

Por Carolina Santos

Para tentar resolver o impasse com os taxistas que circulam pela avenida Paulista, a prefeitura estuda implantar 81 pontos livres para táxis na via. Os profissionais da categoria reclamam de não conseguirem embarcar e desembarcar passageiros na avenida por causa da faixa exclusiva de ônibus, que fica à direita. Eles são proibidos de trafegar nesta pista, e também estão sujeitos à multa de R$ 53,20, e três pontos na carteira

As novas paradas devem ser instaladas nos recuos que já existem. Segundo o Simtetaxi (sindicato da categoria), são 27 baias em toda a extensão da Paulista. Com a implantação das paradas, cada baia receberá dois pontos para os taxistas ficarem aguardando passageiros por até 15 minutos, e um terceiro apenas para desembarque. Atualmente, os recuos são utilizados apenas para carga e descarga.

Desde a implantação da faixa de ônibus, moradores da região reclamam da dificuldade para conseguir pegar um táxi na avenida. “Hoje, ninguém consegue pegar táxi na Paulista. É preciso ir para algum cruzamento para conseguir. Com esses pontos tudo ficará mais fácil”, afirma o presidente da Associação Paulista Viva, Antonio Carlos Franchini Ribeiro.

Para o diretor do Simtetaxi, Manuel Palavras, a adoção do modelo não vai atrapalhar o fluxo dos ônibus que trafegam pela faixa exclusiva. “Vamos apenas atravessar a pista da direita, não vamos parar ali. Teremos tempo suficiente para esperar os passageiros”.

A ideia também agrada o especialista em transporte Horácio Figueira. “Os espaços já estão lá. Então não haverá interferência”.

20130911_SP03_taxi-av-paulista

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo