42 mil pessoas são afetadas pelo quarto dia de paralisação de ônibus

Por talita

Permanecem parados os motoristas e cobradores de ônibus da viação OAK Tree, que atende a zona oeste de São Paulo. Desde a tarde do último sábado, a greve prejudica passageiros dos bairros Rio Pequeno e Jaguaré, além da região da rodovia Raposo Tavares.

A SPTrans – empresa que gerencia o transporte público municipal – informa que já multou a empresa em R$ 16.560 por causa da paralisação. A companhia também acionou o Sistema Paese – uma operação de emergência -, com 45 ônibus para oito linhas.

Estima-se que 42 mil pessoas devem ser prejudicadas pela paralisação.

Os funcionários reclamam do atraso do pagamento de benefícios.

Segundo a OAK Tree, não está prevista nenhuma manifestação em frente à garagem pelo menos até as 10h de hoje, quando deve acontecer uma reunião entre os funcionários e o secretário de Transportes para decidir os rumos do protesto.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo