Subcomandante da GCM e mulher dele são assassinados em Mairinque

Por fabiosaraiva

Mais um caso de mortes envolvendo um agente de segurança e seus familiares é registrado em São Paulo. Depois do ocorrido com um sargento da Rota e de seus familiares na Brasilândia, zona norte de São Paulo, desta vez a família de um subcomandante da GCM (Guarda Civil Metropolitana) foi alvo de tiros em Mairinque, no interior do Estado. O crime ocorreu por volta das 20h dessa sexta-feira, no bairro Jardim Vitória.

 

De acordo com a polícia, bandidos armados invadiram a casa do subcomandante da GCM, que estava no local com sua mulher e o filho do casal, de 10 anos. O corpo do oficial foi encontrado na mesa de jantar da residência com um tiro na cabeça; a mulher dele estava com as mãos amarradas para trás, também com um tiro na parte superior.

 

Já o filho do casal foi encontrado caído nas escadas, também baleado. O garoto de 10 anos foi socorrido e levado em estado grave no Hospital de Mairinque – logo depois, ele foi transferido para o Hospital Regional de Sorocaba. Não há informações sobre o seu estado atual de saúde.

 

Os assaltantes fugiram da residência levando os dois veículos da família, mas capotaram em frente a um bar próximo da casa. Segundo testemunhas, dois dos criminosos desceram do veículo acidentado com uma espingarda calibre 12 nas mãos e ameaçaram os frequentadores do estabelecimento. Em seguida, eles fugiram no outro carro do casal.

 

Mais tarde, o outro carro da família foi encontrado em chamas, na Estrada da Servidão, a 5 km do local do crime. Ninguém foi preso.

 

Segundo a delegada que investiga o crime, nenhuma hipótese está descartada. O caso foi registrado na Delegacia de Mairinque e será investigado.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo