Carteiro tem 60% do corpo queimado durante assalto em Barretos

Por Carolina Santos

Um carteiro teve 60% do corpo queimado durante um assalto em Barretos, no interior de São Paulo, na madrugada de quinta-feira, dia 8. A vítima, Alysson Douglas da Silva, de 22 anos, recebeu o ataque brutal por ter pouco dinheiro na carteira.

Silva foi rendido por dois bandidos em seu carro, quando chegava em casa. Depois de entrar na residência do carteiro, os ladrões exigiram dinheiro, mas Alysson tinha só R$ 30.  Os assaltantes então voltaram ao veículo e encontraram uma garrafa de gasolina, usada para atear fogo ao corpo da vítima. Após o crime, os homens fugiram em uma moto.

Em entrevista à BandNews FM, a delegada Silvana Ferreira da Silva afirmou que o carteiro chegou a implorar para que os bandidos o poupassem. “O próprio Alysson nos relatou que pediu para eles não fazerem aquilo, pois ele tinha uma filha para criar, como podiam ver pelo carrinho de bebê que estava na sala.”

Na sequência, o carteiro contou que sentiu a gasolina sendo jogada em seu corpo e logo depois o fogo. “Ele saiu correndo para o chuveiro, pensando que vindo a água ele poderia se livrar daquelas chamas, mas não aconteceu isso então ele saiu correndo para a rua”, relatou a delegada.

Socorrido pelos bombeiros na calçada, Alysson Douglas da Silva foi encaminhado a um pronto-socorro da região. Ele está consciente, mas permanece internado em estado grave com queimaduras de 3º grau.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo