Plano B não acaba com lentidão na 23 de Maio

Por Carolina Santos

No segundo dia de funcionamento da faixa de ônibus no corredor Norte-Sul, a avenida 23 de Maio, na zona sul, voltou ontem a ser a mais congestionada da cidade.

Para tentar amenizar o nó no trânsito, a CET (Companhia de Engenharia de Tráfego) utilizou um plano B na operação montada no entorno da via.

Os marronzinhos realizaram bloqueios em dois trechos das avenidas Ceci e Jurema, para evitar que mais carros entrassem na Moreira Guimarães. Também foram reprogramados alguns semáforos. Não adiantou.

Às 9h, a avenida 23 de Maio registrou 8,6 km de filas, no sentido aeroporto, o que equivale a toda a extensão da avenida. Às 18h, o mesmo índice foi registrado, e se manteve até as 20h.

Para piorar a situação, uma manifestação bloqueou totalmente a 23 de Maio por volta das 20h. A CET divulgou comunicado pedindo que os motoristas evitassem a avenida.

Melhora para os ônibus

Enquanto os carros ficaram travados na 23 de Maio, os ônibus tiveram um ganho de até 58% na média de velocidade com a faixa exclusiva no pico da manhã (das 6h às 9h), segundo a CET.

A companhia afirma que os coletivos tiveram uma velocidade média de 24 km/h ontem, no sentido centro, ante 15,1 km/h da semana passada.
Em direção ao aeroporto, o ganho foi de 30%. Foram 22,5 km/h ontem, ante 17,3 km/h na semana passada.

Com a faixa do corredor Norte-Sul, a cidade tem agora 222 km de faixas exclusivas para ônibus -100 km foram implantadas neste ano.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo