Justiça manda soltar mais três policiais do Denarc

Por fabiosaraiva

A Justiça estadual em Campinas mandou soltar mais três policiais civis acusados de envolvimento com o tráfico de drogas. Um deles é o policial do Denarc (Departamento de Narcóticos) Rodrigo De Longhi Gomes. Após sessão de reconhecimento na sede do MP (Ministério Público), ele não foi identificado por traficantes como integrante de uma quadrilha de policiais acusada de extorsão e cobrança de propina dos criminosos.

Outros dois policiais tiveram a prisão temporária vencida e deveriam ser soltos até a meia-noite de ontem.

A Promotoria acusa 11 policiais e dois delegados de facilitar a ação da quadrilha do traficante Wanderson Nilton de Paula Lima, o Andinho, em troca de propina.

O chefe do setor de inteligência do Denarc, Clemente Castilhone, é suspeito de vazamento de informações, mas nega as acusações. Ele já foi solto. Três agentes continuam foragidos.

Loading...
Revisa el siguiente artículo