Estudo alerta que tratar cão como filho pode levar a distúrbio psicológico

Por Metro Jornal

Não é incomum vermos cães vestidos com roupas e jóias no colo de suas donas desfilando por praças e shoppings, afinal, eles são parte da família.

Mas um estudo alerta que tratar os cachorros como se fossem filhos, principalmente quando filhotes, pode trazer transtornos psicológicos para os animais e para os donos.

O estudo foi apresentado pelo professor e pesquisador Raúl Valadez, do Instituto de Pesquisadores Antropológicos da Universidade Nacional Autônoma do México (UNAM).

Segundo a pesquisa, quando alguém trata um cachorro como se fosse um humano, rompe uma interação ‘cão-homem’ formada há 20 mil anos.

Valadez apresentou sua tese durante uma conferência . ““Apresentar um animal a um esquema que não faz parte de sua essência afeta sua perspectiva e ele é incapaz de procriar, porque não reconhece os membros de sua espécie como seus pares”, disse.

De acordo com o especialista, os cães se tornaram um artigo de comércio e cada fez aparecem mais produtos para cachorros e filmes, onde eles são protagonistas.

A pesquisa observa ainda que o vínculo com os animais e tão intenso que 57% dos entrevistados os consideram emocionalmente mui próximo, 29% falam com eles e 26% procuram conforto com seus cãezinhos quando estão tristes.

Com informações do 24 horas.

Loading...
Revisa el siguiente artículo