'Miojo': Brasil é o 10º pais com maior consumo de macarrão instantâneo no mundo

Por Metro Jornal

O Brasil é o 10º país que mais come macarrão instantâneo do mundo – e o consumo vem crescendo. Segundo levantamento da Wina (associação mundial do alimento), brasileiros saborearam 2,45 bilhões de porções do famoso "miojo" em 2019, uma alta de 2,5% em comparação ao ano anterior.

O líder do ranking é a China, com absurdos 41,45 bilhões de porções consumidas, quase 20 vezes o número de refeições por aqui. Completam os cinco primeiros, em bilhões: Indonesia (12,52), Índia (6,73), Japão (5,63) e Vietnam (5,43).

QUER RECEBER A EDIÇÃO DIGITAL DO METRO JORNAL TODAS AS MANHÃS POR E-MAIL? É DE GRAÇA! BASTA SE INSCREVER AQUI.

Fundação Renova - agosto 2020

Os Estados Unidos lideram o consumo de "miojo" nas Américas, com 4,63 bilhões de porções – o Brasil é o segundo país dos continentes a figurar na lista. Em todo o mundo, foram consumidos 106,42 bilhões de porções de macarrão instantâneo no ano passado.

Na terça-feira (25), é comemorado o Dia do Miojo. Em agosto de 1958, o Chicken Lámen, primeiro macarrão instantâneo do mundo, foi desenvolvido pela Nissin Foods. O idealizador, Momofuku Ando, buscou um alimento prático para oferecer ao público após o fim da 2ª Guerra Mundial.

Loading...
Revisa el siguiente artículo