BID sugere que a volta às aulas comece com os anos iniciais do ensino fundamental

O argumento é que as crianças das series iniciais são mais novas e precisam de mais ajuda dos professores

Por Verônica Fraidenraich – Canguru News

O Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) publicou um documento com orientações para as escolas relacionadas à prevenção contra o novo coronavírus.

Segundo o banco, o maior desafio é manter o distanciamento social. Para isso, o órgão sugere a reabertura escalonada das escolas, a flexibilização do horário das aulas e a diminuição do número de horas letivas presenciais.

O texto também propõe que o retorno escolar comece pelas séries iniciais do ensino fundamental, argumentando que as crianças que estão nessa etapa são mais novas e precisam de mais ajuda dos professores.

O relatório traz ainda recomendações sobre ações preventivas como medição de temperatura e evitar aglomerações em áreas comuns, como locais de alimentação, corredores e banheiros.

Leia também: Mães dizem que filhos seguirão em casa quando as escolas reabrirem

Higienização das escolas

Para o BID, outro desafio é garantir a limpeza e desinfecção das unidades escolares antes do retorno e manter tais práticas no dia a dia. Esse cuidado envolve tanto a ampliação das equipes de limpeza quanto o envolvimento da comunidade escolar na desinfecção das superfícies. Para isso, o texto destaca a importância de manter os kits de limpeza também nas salas de aula.

A rotina de higienização deve incluir, segundo o BID, medidas sanitárias como lavar as mãos frequentemente (de preferência a cada duas horas), evitar levar as mãos ao rosto e usar máscaras de proteção. Para tanto, as escolas devem assegurar água, substância de desinfecção e locais adequados para a prática.

O treinamento de funcionários que farão a higienização e dos professores, alunos e o pessoal do administrativo também é importante. Segundo o documento, os espaços devem ser organizados de modo a favorecer a circulação de ar natural, mantendo-se abertas portas e janelas.

Leia também: O que a ciência diz sobre os riscos para as crianças na reabertura das escolas

Em caso de infecção, o BID recomenda que sejam seguidos os protocolos de encaminhamento da pessoa a um posto de saúde, o fechamento temporário da unidade escolar e interdição de áreas usadas pelas pessoas infectadas e desinfecção do local.

Da mesma forma, pessoas com sintomas de covid-19 devem ser instadas a permanecer em casa. Os coordenadores das instituições de ensino podem adotar políticas flexíveis de afastamento e licença, o que abrange também aqueles com necessidade de cuidar de pessoas doentes em casa. Com informações da Agência Brasil.

Leia o documento do BID na íntegra.

Leia também: Após anunciar reavaliação, governo de SP mantém volta às aulas em setembro

Veja outras matérias relacionadas a escola/educação da Canguru News.

Quer receber mais conteúdos como esse? Clique aqui para assinar a newsletter da Canguru News. É grátis!

Loading...
Revisa el siguiente artículo