Sites falsos de leilões utilizando o nome do Detran já atingiram mais de 52 mil acessos no Brasil

Por Metro Jornal

Quase 900 páginas falsas que se passam por sites de leilão para veículos foram identificadas pelo dfndr lab, laboratório especializado em segurança digital da PSafe, recentemente. Como revelado, muitas das páginas utilizam até mesmo nomes de instituições conhecidas, como o do Detran.

O monitoramento iniciou em junho deste ano, e até então já foram detectados mais de 52 mil acessos e compartilhamentos a este tipo de golpe. "Dentre os estados mais afetados estão São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais", detalhou.

Emilio Simoni, diretor do dfndr lab, explica como os golpistas atuam neste esquema: “Os sites falsos mostram anúncios de carros e motos seminovos, que supostamente estariam sendo leiloados com valores bem abaixo do mercado.  Os criminosos incluem ainda informações detalhadas sobre os veículos do falso leilão, como ‘IPVA 2020 pago’ e até mesmo supostas certificações. Muitas das páginas utilizam até mesmo nomes de instituições conhecidas, como o do Detran, para ganhar credibilidade e alcançar ainda mais vítimas”.

Ainda de acordo com as informações, os fraudadores incentivam a vítima a realizar um cadastro nas falsas páginas, enviando informações pessoais e dados bancários para garantir o suposto lance no leilão. “Os criminosos pedem cópias de documentos das vítimas e as induzem a fazer o pagamento do lance o quanto antes. Acreditando que fizeram um bom negócio, as vítimas fazem o depósito na conta bancária do atacante e nunca recebem o veículo. Quanto tentam contestar o pagamento, são ignoradas”, explica Simoni.

Como orientação, o usuário deve evitar fazer o cadastro em sites de leilão sem antes pesquisar por reclamações e verificar se é um site oficial. Além disso, jamais deve fornecer dados pessoais ou bancários em links ou aplicativos de procedência desconhecida.

Com informações da PSafe

LEIA TAMBÉM:

Loading...
Revisa el siguiente artículo