5 raças de cães mais raras do mundo

Por Metro Jornal

Existem atualmente cerca de 340 raças de cães catalogadas em todo mundo, alguns delas muito populares no Brasil, como os Yorkshires e Shih-tzus, outros muito pouco conhecidos. Há ainda raças que remontam a história do antigo Egito e muitos outros que entraram para a lista de animais ameaçados de extinção.

Veja uma lista de 5 raças de cães consideradas raras:

1 – Pumi

Pumi Reprodução

O Pumi é um cachorro de origem húngara e muito difícil de ser encontrado fora desse país. De médio porte, é um animal cheio de energia e necessita de espaço para correr. É também muito desconfiado com estranhos.

 

2 – Catalburun

Catalburun Reprodução

Cão originário da Turquia que tem como principal característica o nariz dividido, que lhe proporciona um olfato invejável e por isso é muito usado como cão farejador em caçadas.

 

3 – Mudi

Mudi Reprodução

Também originário da Hungria, é um cão de porte médio com orelhas retas oriundo do cruzamento de cachorros de pastoreio com pastores alemães. É um excelente cão de guarda e muito fácil de ser adestrado.

 

4 – Komondor

Komondor Reprodução

Outra raça húngara, cão de grande porte que se destaca por sua pelagem densa e comprida, que requer cuidados especiais. É também um cachorro muito forte e ágil.

 

5 – Saluki

Saluki Reprodução

Originária do Oriente Médio, é uma das raças mais antigas do mundo, era considerado um cão real no Antigo Egito. Foi criado para ser um cachorro de caça e sua estrutura permite que alcance altas velocidades.

Loading...
Revisa el siguiente artículo