Efeitos da pandemia: crianças podem ficar com excesso de dependência dos pais

Pesquisa realizada na China aponta quais serão os efeitos da pandemia e das medidas de combate ao novo coronavírus nas crianças

Por Canguru News

Cientistas e pesquisadores continuam seus estudos sobre os efeitos da pandemia do novo coronavírus. Entre esses estudos, uma pesquisa realizada na China com 320 crianças e adolescentes aponta que a dependência excessiva dos pais e a desatenção são as principais consequências da mudança brusca de rotina e da sensação de incerteza, insegurança, ansiedade e estresse que está presente em muitos dos lares do mundo todo. Outros efeitos da pandemia nas crianças e nos adolescentes analisados nessa pesquisa são preocupação, problemas de sono, falta de apetite, pesadelos, desconforto e agitação.

O Núcleo Ciência Pela Infância, que tem pesquisadores da área médica, da psicologia, da economia, da pedagogia e da administração pública que vieram de instituições como a Universidade de São Paulo (USP), a Fundação Getúlio Vargas (FGV) e a Universidade de Harvard, nos Estados Unidos, divulgou artigo que comenta os resultados da pesquisa realizada com as crianças e com os adolescentes na China. 

Leia também – Saberes em época de pandemia: o que seus filhos realmente precisam aprender agora? 

Segundo reportagem do Nexo, no artigo do Núcleo é destacado que, além dos efeitos da pandemia já mencionados, que são sentidos de maneira individual por crianças e adolescentes, situações de convívio familiar também podem desencadear estresse. Com as medidas de isolamento social para evitar a propagação do novo coronavírus, essas situações de convívio familiar estão mais intensas. 

Entre essas situações familiares está a violência doméstica. No estado de São Paulo, entre março e abril os casos aumentaram em 20% em comparação com o mesmo período do ano de 2019. Os dados são da Secretaria de Segurança Pública. A violência doméstica tem inúmeras possíveis consequências, entre elas, o comprometimento do feto em mulheres grávidas. Em crianças, situações de violência doméstica podem desencadear o estresse tóxico, que ocorre quando os pequenos enfrentam adversidades constantes sem apoio por períodos prolongados, o que interrompe o desenvolvimento saudável do cérebro.

Para dicas de como evitar o estresse tóxico nas crianças, acesse esta matéria

Quer receber mais conteúdos como esse? Clique aqui para assinar a newsletter da Canguru News. É grátis! 

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo