Como hidratar as mãos de crianças e adultos

Dermatologista dá dicas de produtos e soluções caseiras que evitam o ressecamento da pele devido ao uso em excesso de sabonete e álcool gel

Por Canguru News

O excesso de água e sabão e de álcool gel para evitar o contágio pelo novo coronavírus tem deixado todo mundo com as mãos ressecadas – inclusive, as crianças.“Nas últimas semanas, vi muitas crianças com eczema de mão porque elas lavam, lavam e não fazem a hidratação, o que acaba irritando a pele, diz a dermatologista Lídia Poppe, brasileira que mora na Alemanha e foi eleita uma das três melhores profissionais da área pelo Euroderm Excellence.

Ela explica que o problema atinge em especial, pessoas com tendência a dermatite atópica, alergias, rinite alérgica e asma. “Logo depois de lavar as mãos é importante fazer a hidratação com produtos a base de glicerina, ectoina ou bisabolol”, sugere Lídia, que é mãe de três crianças pequenas.

A dermatologista é cautelosa quanto ao uso de soluções caseiras para cuidados com a pele e com os cabelos, por receio de que, sem orientação profissional, as receitas possam provocar algum dano ao corpo, mas ela indica algumas combinações que não oferecem riscos. No rosto, por exemplo, vale usar um uma máscara com mistura de aveia e água batidas rapidamente no liquidificador . Além disso, o uso direto da folha de babosa ou aloevera como máscara caseira também pode ser realizado sem grandes problemas.

Para esfoliar a pele – e aqui a dica vale só para os adultos –, a simples mistura de mel com açúcar pode ser uma boa aposta. O preparado pode ser feito apenas mexendo os dois ingredientes numa tigela. Em seguida, aplicar a solução no rosto, colo e pescoço realizando pequenos movimentos circulares. “Ressalto que que não usem limão, pois se houver exposição ao sol é grande o risco de queimadura”, adverte Lídia. Já para a hidratação dos cabelos, ela sugere óleo de coco. “É fácil de achar e de aplicar, dando um bom resultado”, explica.

Leia também: Alimentação das crianças: dicas para seu filho comer melhor durante a quarentena

A especialista relata que, na Alemanha, as soluções caseiras também fazem sucesso. A cebola, por exemplo, é bastante usada por lá para cuidar de picada de insetos. “Esse alimento tem ação calmante e anti-inflamatória”, diz. Outra prática comum dos alemães é o uso de vinagre de maçã para micose nos pés – dica, no entanto, válida apenas para os adultos. Lídia chama a atenção das mães também para que não usem os seus produtos nos filhos sem indicação profissional. “Algo que é benéfico para os adultos não necessariamente será bom para as crianças, pelo contrário, pode ser proibido ou controverso para elas”, declara Lídia.

Leia também: Quarentena: veja que cuidados tomar com os bebês e as crianças em casa

Quer receber mais conteúdos como esse? Clique aqui para assinar a nossa newsletter. É gratuita! 

 

Loading...
Revisa el siguiente artículo