Estes 4 mitos nutricionais com podem estar impedindo você de emagrecer ou fornecendo efeitos contrários

Por Rodrigo Almeida

Sempre existem amigos prontos para ajudar quando você diz que quer perder peso. Mas, muitas vezes estas dicas fogem do crivo científico. Será que o que eles falam é verdade ou mitos?

Mitos que você deve tomar cuidado

A proteína é imprescindível 45 minutos depois do exercício

No longo prazo, a boa vontade poderá deteriorar sua saúde de maneira dramática e irreversível. Os profissionais de academia geralmente recomendam consumir proteínas logo após o exercício para aumentar a massa muscular.

"É uma teoria que ganhou força depois de uma pesquisa no início dos anos 2000, e descobriu que a síntese de proteínas musculares era estimulada pelo consumo de proteína de soro de leite no final de um treino", relata o portal Daily Mail.

Embora isso seja verdade até certo ponto, os cientistas descobriram que a taxa de síntese era tão pequena que quase não era perceptível em 10 anos.

Uma dieta sem glúten é mais saudável

pao Reprodução/ Pixabay

Nos últimos anos dieta sem glúten caiu no gosto popular, porém, seria ela realmente saudável para todos? Se você sofre de alergia ao glúten, então, obviamente você não deve consumi-lo. Mas se você não tem a doença, a dieta não é saudável para você.

No longo prazo, você pode ter um déficit de nutrientes e fibras por não comer alimentos com glúten; portanto, não pare de comê-lo apenas porque alguém lhe disse que ele serve para a saúde.

Os lanches são ruins

lanche Reprodução/ Pixabay

Comer um biscoito de chocolate, um picolé de sorvete ou uma fatia de bolo nunca será uma boa opção. Os lanches são essenciais diariamente, mas você deve escolher alimentos que sejam nutritivos e saudáveis.

Você pode comer lanches pela manhã ou à tarde, como ovo cozido com espinafre ou uma maçã com um pouco de manteiga de amendoim. O iogurte grego também é especial para manter a fome e a ansiedade afastadas.

Gorduras saturadas são saudáveis

Os artistas do mundo promoveram dietas baseadas em gorduras saturadas, juntamente com a dieta paleo, porque alegam que isso impulsiona o metabolismo para ativar e perder peso rapidamente.

Embora os cientistas tenham descoberto recentemente que as gorduras saturadas do leite não afetam o colesterol no sangue da mesma maneira que se pensava anteriormente, ainda vale a pena observar a ingestão de outros alimentos ricos em gordura para prevenir doenças cardíacas.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo