I Ching: saiba mais sobre essa técnica milenar

Também conhecido como o Livro da Mutações, o I Ching é uma prática que ajuda a lidar com diversos aspectos da vida

Por Adriana Di Lima

I Ching , também conhecido como Livro das Mutações, é uma obra  que contém um dos mais antigos textos chineses que chegaram até nossos dias. Pode ser compreendido e estudado tanto como um oráculo, quanto como um livro de sabedoria, já que reúne um conjunto de estudos que analisa o mundo e o homem através das imagens da natureza.

Inicialmente, o livro continha mais símbolos do que palavras e exigia uma interpretação rigorosa e sensível. Porém, ao longo dos séculos, diferentes sábios acrescentaram textos explicativos, embora o significado mais puro dos símbolos fosse mantido.

Os símbolos do I Ching representam os estados essenciais da natureza e do Universo, que permitem vislumbrar o entrelaçamento de uma riquíssima rede energética.

As origens do I Ching

O Livro I Ching foi desenvolvido por mais de 5 mil anos. Mas, é impossível precisar a data exata em que os chineses capturaram e delimitaram, através de suas percepções e análises profundas, esse conhecimento das leis que regem a natureza.

Fu Xi, considerado o chefe mais sábio de todas as tribos, iniciou os códigos que representam toda a escrita interpretada no I Ching. O sábio nomeou cada símbolo, que hoje são chamados de Hexagrama.

Os símbolos do I Ching

Os símbolos são compostos por 64 Hexagramas que completam a leitura do I Ching. Esses hexagramas são figuras formadas por 6 linhas formadas a partir da combinação de 8 Trigramas, compostas inicialmente por 3 linhas. Além de considerar também as duas energias primordiais: Yin e Yang, que servem como códigos de leitura originários da interpretação da natureza e também da sua relação com o homem.

O texto do I Ching é o fundador das ciências e das artes chinesas, incluindo as medicinas tradicionais que estudam e aplicam seu conhecimento na estrutura de energia do corpo humano. Entre elas estão como a acupuntura e também o Feng Shui.

O I Ching reflete todos os aspectos da vida humana, relacionando diretamente a dinâmica da evolução da natureza, que se torna intrínseca à evolução da vida do homem. É o próprio sujeito inserido na natureza que avalia, compreende e sente sua participação  no campo natural de ação, e garante um fluxo que sempre está em mutação, puro aspecto do devir.

Uma das traduções mais conhecidas do I Ching para o ocidente é a do sinólogo alemão Richard Wilhelm, que traduziu do chinês para o alemão e traz um rico prefácio de Carl G. Jung.

No Brasil, entre uma das traduções mais elaboradas está a obra “I Ching – o Livro das Mutações – Sua Dinâmica Energética”, de Alaíde Mutzenbercher, grande estudiosa e pesquisadora do tema.

O I Ching como oráculo

Para seu uso como oráculo, a meditação prévia, o ritual, e a formulação precisa da pergunta são importantes para um bom atendimento e uma boa interpretação de quem procura a resposta.

A consulta oracular pode ser feita com a utilização de 50 varetas, originalmente de  aquileia (Achillea millefolium). Por ser um livro sagrado, o I Ching e as varetas usadas na consulta eram guardadas em uma caixa de madeira virgem, embrulhados em seda.

Como oráculo ou Livro de Sabedoria, o seu conteúdo é traduzido através de metáforas que sugerem novos modos de olhar para as questões colocadas por quem o procura.

Atualmente, a consulta ao I Ching é realizada também com métodos mais simples, com a utilização de moedas, dados e até mesmo baralhos. Qualquer que seja a escolha do método de consulta, a interpretação trará referências de leituras e situações arquetípicas. Todas as percepções são muito particulares e apresentam interpretações e momentos únicos.

+ Características, datas e muito mais: descubra tudo sobre signos.

+ Emoção, sensibilidade e mais: saiba tudo sobre o signo de Câncer.

+ Veja no Tarot do Mês as previsões para a sua vida em julho.

+ Astrologia explica problemas na vida amorosa e dificuldades em relacionamentos.

Adriana Di Lima

Professora e Consultora de Feng Shui e Astrologia Chinesa, agrega a Medicina e a Sabedoria Oriental Chinesa em atendimentos.

[email protected]

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo