3 benefícios das sementes de chia que você talvez não conhecia

Por Rodrigo Almeida

Muito já se falou sobre a chia e a capacidade nutricional espetacular que ela proporciona. Desde o alto teor de ômega-3 até a capacidade de manter a saciedade e combater a obesidade, os benefícios já estão na mídia há algum tempo.

Mas existem propriedades que não brilham tanto quanto as descritas anteriormente, talvez por falta de relevância para alguns ou por simples falta de conhecimento.

De acordo com o sítio Draxe.com, as sementes de chia ajudam a melhorar a saúde cardíaca, balanceia a quantidade de açúcar na corrente sanguínea e aumenta os níveis de energia.

Promove a saúde digestiva

Além de ser rica em proteínas e minerais, ela também contém grandes quantidades de fibras, 11 por cada 100 gramas segundo o portal estrangeiro.

Se seguirmos as recomendações de Organização Mundial da Saúde (OMS), isso é o equivalente a 44% da quantidade diária para um ser humano adulto.

A fibras ainda fornece propriedades prebióticas para bactérias, o que desempenha papel essencial na saúde do sistema e previne contra doenças do trato intestinal, podendo prevenir o câncer.

Melhora a saúde da pele

Elas são ricas em antioxidantes, sendo responsáveis por benefícios poderosos para as saúde da pele. Pesquisadores mexicanos descobriram que ela possui duas vezes mais antioxidantes do que se pensava anteriormente.

Contribui para a saúde bucal

Ela é rica em cálcio, fósforo, vitamina A e zinco, e de acordo com o draxe.com, esses nutrientes a põem logo no topo de lista de alimentos essenciais para os dentes.

O cálcio mantém a forca e reparação dos dentes, o zinco previne surgimento de tártaro. Já a Vitamina A e o fósforo são importantes para a saúde geral da boca e dos dentes.

 

 

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo