Tinha idade para ser bisavó, mas acabou se tornando a mulher mais velha a dar à luz

Por Rodrigo Almeida

Errati Mangayamma, uma agricultora de 73 anos do estado de Andhra Pradesh da Índia, se converteu em mãe de primeira viagem depois de dar à luz gêmeas.

Mangayamma engravidou por meio de Fertilização In Vitro (FIV) e especialistas acreditam que ela é a mulher mais velha a ter engravidado.

Os médicos que a atenderam optaram por uma cesárea para trazer as duas meninas ao mundo. “A cirurgia saiu bem, a mãe e os bebês estão sadios e sem complicações”, disse à CNN o doutor Sanakayyala Umashankar, diretor de Ahalya IVF, que realizou a operação.

A mulher de 73 anos e o esposo de 80 estão preparados para a nova vida

Errati casou-se em 1962, mas nunca conseguiram ter filhos pelas vias naturais. Em 2018, os sonhos do casal ganharam um sopro de esperança. Depois de se submeterem a vários testes, todos com resultados positivos, um especialista aprovou um tratamento de FIV.

“Não estamos permitindo que a mãe amamente e as bebes serão alimentadas com ajuda de um banco de leite”, esclareçam os especialistas.

Além disso, os médicos envolvidos afirmaram que os pais estão muito emocionados pela nova etapa que eles estão entrando.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo