5 fatos reveladores sobre os pesadelos

Por Victória Bravo

Podemos definir como pesadelos sonhos que desencadeiam com emoções negativas intensas e se manifestam principalmente durante o ciclo REM, caracterizado por movimentos oculares rápidos e representando 25% do sono.

Descubra cinco fatos horríveis sobre pesadelos reunidos pelo Dr. Naveed Saleh em um artigo traduzido e adaptado do portal Psychology Today:

1. Na população em geral, 1 em cada 20 pessoas tem pesadelos a cada semana. Essa proporção é muito maior em pessoas que sofrem de doenças psiquiátricas.

Cerca de três quartos das pessoas com transtorno de estresse pós-traumático têm sonhos negativos, e cerca de metade das pessoas com transtorno de personalidade borderline tem pesadelos.

2. Pesquisas indicam que o aumento dos níveis de preocupação, experiências alucinatórias e maior duração do sono estão significativamente relacionados à ocorrência de pesadelos.

A preocupação parece ser o mais forte desencadeante de pesadelos. Além disso, as pessoas mais preocupadas têm os piores pesadelos. A preocupação pode ser um fator de estresse determinante, porque prepara o corpo para angústia, preocupação e deterioração.

3. A genética, os fatores estressantes da vida e a saúde mental podem desempenhar um papel no início dos pesadelos.

4. Na maioria das vezes, medicamentos psicotrópicos, como antidepressivos, não ajudam no desaparecimento de pesadelos.

5. A psicoterapia pode ajudar com pesadelos. Exemplos incluem técnicas como terapia de exposição e terapia de sonho lúcido – que é aplicada enquanto o paciente dorme.

Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo