Estes 6 alimentos combatem o colesterol ruim e ajudam a prevenir de doenças cardíacas

Por Rodrigo Almeida

O colesterol alto eleva o risco de doenças cardíacas e vasculares em grandes proporções. Esta condição pode ser revertida ou prevenida de maneira simples: levar um estilo de vida saudável, fazer exercícios e comer alimentos ricos em gorduras boas.

Segundo o sítio estrangeiro Nueva Mujer, estes são seis grandes aliado para reduzir os altos níveis de colesterol no sangue e evitar maiores males ao coração.

Azeite de oliva

Rico em ômega 3, é o ingrediente principal da dieta mediterrânea, a mais amigável para o coração. O potencial é tao eloquente que em 2004 a Administração de Drogas e Alimentos (FDA) dos Estados Unidos reconheceu os efeitos saudáveis ao coração. As melhores escolhas são os azeites virgens e extra virgens.

Chá preto

chá Reprodução/ Pixabay

Beber uma xícara diminui o colesterol. A infusão com sabor intenso pode ajudar a reduzir os níveis, segundo um estudo realizado em 2014 pela Universiade de Zhejiang, na China. Descobriram que as catequina (antioxidantes) ajudam a regular a concentração do colesterol ruim e danoso para o organismo.

Soja

Os alimentos de soja, (brotos, tofu, leite e carne) são importantes na dieta, pois a proteína presente neste grão ajuda a combater o colesterol alto. A diferença para a proteína animal é que a soja é quase livre de gorduras saturadas e é rica em antioxidantes que beneficiam a saúde geral.

Oleaginosas

nozes Reprodução/ Pixabay

Como lanche entre refeições opte por um punhado de castanhas e nozes. Amêndoas, avelãs, amendoim, nozes, pistache, são algumas delas e são ricas em proteínas, fibras antioxidantes e gorduras saudáveis que combatem o colesterol ruim (LDL).

Maçã

Uma deliciosa opção para lutar contra os níveis altos de colesterol. Comer uma ao dia teria um poderoso efeito cardioprotetor, já que baixa o LDL e aumenta o colesterol bom (HDL), segundo a Universidade da Florida. Também é rica em antioxidantes, melhora o metabolismo de lipídios e diminui o risco de doença cardíaca.

Peixes

peixe Reprodução/ Freepik

Comer peixe ao menos duas vezes por semana é super benéfico. Alguns são ricos em ômega 3, que reduz o colesterol ruim e combate a formação de plaqueta nas artérias. Os mais recomendados são salmos e atum. Um estudo revelou que comer ao menos duas vezes por semana reduz o risco de morte por infarto em 11%, de 2 a 4 vezes em 23% e mais de 5 vezes em 38%.


Conteúdo Patrocinado
Loading...
Revisa el siguiente artículo